sexta-feira, 15 de setembro de 2017

Ninho vazio

Em uma pequena fração
Descobri que não estavas aqui
Procurei e me perdi
Você partiu...

Meu coração ficou vazio
Minha alma se perdeu
Percorri todos cantos
Não encontrei

Tive que como Fênix morrer
Para que pudesse de minhas cinzas renascer
Descobri por fim
Que as lembranças estão em mim
Só assim pude seguir

Gaby kraft

sábado, 19 de agosto de 2017

  Um anjo em minha vida

Como por encanto
Deus concedeu-me a graça
De tornar-me tua mãe

Ao aninhar-te em meus braços
Senti minha alma enaltecer
Meu coração enternecer

O primeiro sorriso compartilhado
A primeira lágrima enxugada
Desse filho tão desejado

O amor divino abençoado
Compartilhado pelo coração
De mãe e filho para sempre entrelaçados...

                       Gaby kraft


sábado, 29 de julho de 2017

Minha luz

Em meio a tempestade
Surgiu um raio de luz
Em forma de semente
Desabrochou em meu ventre

Nasceu tempestuosa
E se fez luz ao chegar
Em meus braços te aninhei
Sabendo que sempre te amarei

Foi-me enviada por presente
Do meu desejo inconsciente
De ter ao meu lado a filha amiga desejada

Hoje à Deus agradeço
Pelo desejo concedido
De saber o significado
Do amor incondicional...

      Gaby kraft

quinta-feira, 27 de julho de 2017

Apenas uma taça

A saudade que traduz
Apenas uma taça saborear
Sabendo que após o término
Teus beijos não irei degustar

A distância e a saudade
Consomem minha alma
Sem apagar o desejo
De teu corpo tocar

Esse vazio me esfria
Mas as lembranças me aquecem
Saber que tua volta é certa...
Ah...Essa sim me entorpece

         Gaby kraft

domingo, 23 de julho de 2017

Reencontro

Há muito havia esquecido
Do que poderia sentir
Do que poderia ser

Foi então que ressurgiu
Que voltou a pulsar
Sem que eu pudesse esperar

Mesmo adormecido
O desejo estava lá

Foi apenas um olhar
Para que voltasse a acreditar

Nessa jornada de mãos dadas
Ao teu lado recomessar

Agradeço pelo nosso reencontro de almas...

              Gaby kraft

domingo, 23 de abril de 2017

Espero

Alguém que me roube no meio da tarde
Que me faça sorrir sem motivo
Alguém que sinta meu perfume mesmo quando se foi
Que sinta meu beijo ainda no dia seguinte

Espero alguém que não desista de mim
Pelas imperfeições dos meus atos
Alguém que não me veja como um retrato

Espero alguém que ria das minhas bobagens
E perdoe a minha braveza
Alguém que transforme meus erros em acertos

Alguém que me faça melhor
Que eu me esforce porque também sei que me espera

Alguém um simples alguém
Mas que pra mim seja o mais importante
Espero...Ainda te espero

Gaby kraft

domingo, 8 de dezembro de 2013

Me faz pequena em teus braços...


Ainda cedo pra saber
O que ira acontecer
Será real?
Ou apenas carência virtual

Sonhei há muito te conhecer
Encontro idealizado
E imaginado

Sinto o gosto dos lábios
Sem ainda te-los tocado
Sinto o aroma da pele
Sinto o suor do desejo

A historia agora iniciada
Já faz com que sinta
Que em meio a beijos e abraços
Sou pequena em teus braços

Gaby Kraft

sexta-feira, 19 de abril de 2013

Nosso tempo

Qual o nosso tempo?
Qual o meu tempo?
Que tempo preciso para esquecer?
De quanto tempo preciso pra renascer?

Tudo ao seu tempo...
Tudo tem seu tempo...
Mas o tempo esta passando...
E continuo te esperando

Não será perda de tempo?
Preciso agilmente encontrar o tempo,
De ser feliz
Amar e me entregar

Desisti de marcar o tempo
O presente será meu tempo
Agora é a hora de fazer
De os sonhos realizar

Mas ainda te espero
Se nessa etapa quiseres me acompanhar...

Gaby Kraft

quinta-feira, 11 de abril de 2013

Minha busca

Minha busca incansável
Imutável, inatingível
Desde o momento em que você partiu
Não sabe o quanto me atingiu

Mas continuo buscando
Em qualquer lugar, por todos os cantos
Mesmo sem encontrar, sei que você está la
Sei que é real e que irei te encontrar

Nesse instante minha lágrima irá secar
O sol voltará em minha vida brilhar
E juntos nosso destino iremos trilhar

Mas se por um acaso não te encontrar
Prometa que irás me achar
E um sorriso em meus lábios irás colocar...

Gaby Kraft

quinta-feira, 10 de janeiro de 2013

Deixo que Netuno me embale
Adormeço  no seu balanço
Para que minha alma te alcance
Sem que perceba a distância...

Do outro lado do oceano
Como por engano Deus te colocou,
Mas quando Ele percebeu
O quão longe de mim ficou...

Fez-me adormecer,
E assim pude perceber
Que quando menos esperasse

O oceano irias cruzar
E ao meu lado iras acordar
Nas margens do lado de cá...

Gaby Kraft